Uso terapêutico da membrana amniótica do recém nascido pode ajudar na cicatrização e recuperação de tecidos

Médica e cientista Karolyn Sassi Ogliari, pós-doutora em Biolog...

dra.Karolyn Sassi Ogliari
Médica e cientista Karolyn Sassi Ogliari, pós-doutora em Biologia Regenerativa e Células-Tronco - foto Felipe Gaiesky

A técnica, autorizada pelo Conselho Federal de Medicina no Brasil somente no final de 2021, começa a ganhar visibilidade no país


Autorizada somente em outubro de 2021, a utilização da membrana amniótica de recém nascidos para tratamentos clínicos começa a ganhar visibilidade e representa mais um avanço em prol das milhares de vítimas de queimaduras que ocorrem no Brasil todos os anos. De acordo com médica e cientista Karolyn Sassi Ogliari, pós-doutora em Biologia Regenerativa e Células-Tronco, estudos mostram que essa membrana pode atuar como um curativo biológico, pois apresenta células e outros componentes proteicos com potencial para proteger a ferida, acelerar a cicatrização e aliviar a dor.

"Essa técnica já é utilizado em muitos países da América Latina, América do Norte e Europa como curativo para queimaduras superficiais e profundas, tratamento de úlceras varicosas e em feridas causadas por diabetes, além de cirurgias oftalmológicas", explica Karolyn, que também é diretora do Hemocord, empresa de biotecnologia voltada para armazenamento de produtos de terapia celular para a Medicina Regenerativa, e única no Brasil onde pode ser contratado o serviço de coleta da membrana amniótica para fins terapêuticos.

A membrana amniótica é o tecido que compõe a parte mais interna do envoltório fetal e que sai junto com a placenta durante o nascimento do bebê, podendo ser coletada nesse momento. A placenta é levada então ao laboratório e lá processada para separação da membrana. Karolyn explica que esse material se trata de um curativo biológico pela riqueza em fatores de crescimento e citocinas que comprovadamente promovem a cicatrização de feridas.

"Ensaios clínicos para tratar queimaduras na pele e alterações na córnea mostram que as células-tronco da membrana amniótica aceleram a recuperação por meio da inibição da inflamação e da liberação de fatores de crescimento. As células-tronco mesenquimais amnióticas humanas tem funções de regulação imunológica, anti-inflamatória e regeneração de vasos. Por apresentar essas propriedades, a membrana tem múltiplos usos em diversas áreas da medicina", explica. "A maioria das terapias com este material biológico está direcionada ao tratamento de queimaduras graves, enfermidades oftalmológicas e cicatrização de feridas", explica.

Recentemente, o uso da membrana amniótica salvou a visão de um recém-nascido no Hospital Universitário Evangélico Mackenzie (HUEM), em Curitiba. O pequeno Anthony Amaral havia nascido com uma má formação nos olhos – ambos não abriam após o nascimento. O procedimento, realizado pelo SUS, aconteceu no final de fevereiro de 2023 e foi um sucesso.

Protocolo patenteado

Karolyn explica que o Hemocord é a única empresa no Brasil onde a população pode contratar o serviço de coleta e armazenamento da membrana amniótica. De a cordo com a especialista, o protocolo patenteado pela empresa preserva as células vivas, que são biologicamente ativas. "Alguns meios de processamento não preservam as células, só a matriz celular. Desenvolvemos um protocolo que mantém as células vivas e produzindo essas moléculas que atuam na regeneração dos tecidos. O 'curativo' permanece biologicamente ativo e com uma produção maior desses componentes", explica.

A especialista explica ainda que, diferentemente do SUS, que armazena as amostras em freezer -80º, o Hemocord criopreserva em Nitrogênio, o que garante a manutenção do material pela vida toda. "No freezer a -80º, a preservação é por um tempo limitado, em torno de dois anos. No nitrogênio é por tempo indeterminado. E como não causa rejeição, pode ser usado pela própria criança ao longo da vida ou por algum familiar que precisar", comenta.

O desenvolvimento do protocolo do Hemocord foi publicado pela Biomedical Materials (2023) e apresentado no Simpósio Internacional Cord Blood Connect de 2022, em Miami.

Sobre o Hemocord

Com mais de 18 anos de atuação no mercado, o Hemocord é uma empresa de Biotecnologia voltada para a Terapia Celular e Medicina Regenerativa. Foi o primeiro Banco de Sangue de Cordão Umbilical com laboratório de Criopreservação no sul do país e único no Rio Grande do Sul. Evoluiu também para ser um Banco de Tecidos e um Banco de Células e Tecidos Germinativos, sendo a única empresa do país com licenças para crio preservar qualquer tecido humano. Está localizado em São Leopoldo, dentro do Tecnosinos - um dos maiores polos de ciência e tecnologia do Brasil. É lá que a empresa possui o seu Centro de Processamento Celular e de Criopreservação, onde os principais avanços e produtos de Terapia Celular são desenvolvidos por uma equipe altamente qualificada. São profissionais especializados em Obstetrícia, Reprodução Humana, Biologia Celular, Biologia Molecular e Criobiologia, buscando deixar as famílias preparadas para o melhor da medicina mundial.

COMENTAR

Nome

#CLDF,4,#Danieldecastro,3,#DER,1,#FauziNacfur,1,#GDF,1,#GustavoAmaral,1,#JulioCesar,1,#PRF,1,#Rogeriomorrodacruz,1,#Secti-DF,1,#Segurança,1,#SEL-DF,1,Over,1,Portal do ACRE,150,Roosevelt,1,
ltr
item
Portal do ACRE: Uso terapêutico da membrana amniótica do recém nascido pode ajudar na cicatrização e recuperação de tecidos
Uso terapêutico da membrana amniótica do recém nascido pode ajudar na cicatrização e recuperação de tecidos
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEiCDoxH4DXsQlRP_eebRzMVPczLIKjbwkfViQDE2SQY46iHWXMIxVuME89Lq-o70187Pg9whJFugfJXKwcKD01MZSyGyzlfe7Af_X-TEnTCQllqDcn2wEllS-e4dhiHdYJprhuaNMCbc5El7yXylF6OsrjI8XhiMyRLsyIV6UpWevYQDWK6PDr7NnQB/s16000/Dra-Karolyn-Sassi-Ogliari.jpeg
https://blogger.googleusercontent.com/img/b/R29vZ2xl/AVvXsEiCDoxH4DXsQlRP_eebRzMVPczLIKjbwkfViQDE2SQY46iHWXMIxVuME89Lq-o70187Pg9whJFugfJXKwcKD01MZSyGyzlfe7Af_X-TEnTCQllqDcn2wEllS-e4dhiHdYJprhuaNMCbc5El7yXylF6OsrjI8XhiMyRLsyIV6UpWevYQDWK6PDr7NnQB/s72-c/Dra-Karolyn-Sassi-Ogliari.jpeg
Portal do ACRE
https://www.portaldoacre.com.br/2023/11/uso-terapeutico-da-membrana-amniotica.html
https://www.portaldoacre.com.br/
https://www.portaldoacre.com.br/
https://www.portaldoacre.com.br/2023/11/uso-terapeutico-da-membrana-amniotica.html
true
3963683832330121748
UTF-8
Carregar todos Post não encontrado Ver todos Ler mais Responder Cancelar resposta Deletar Por Início Pág. POSTS Ver tudo Relacionadas Tópico Arquivo BUSCAR Todos Nenhuma resposta para a busca Início Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez agora há 1 minuto há $$1$$ minutos há 1 hora há $$1$$ horas Ontem há $$1$$ dias há $$1$$ semanas há mais de 5 semanas Seguidores Seguir CONTEÚDO EXLUSIVO - COMPARTILHE PARA ACESSAR 1º Compartilhe em suas redes sociais para liberar 2º Clique no link compartilhado em sua rede social Copiar tudo Selecionar tudo Todos códigos copiados Códigos/textos não copiados, pressione [CTRL]+[C] (ou CMD+C no Mac) para copiar Sumário